Dos mundos onde habito

dos_mundos_onde_habitoLá fora há um grande circo armado.
Não existe picadeiro, malabares ou palhaços, mas ainda assim é um circo.
Todo mundo maquiado, roupas espalhafatosas e risadas forçadas.
Todo carisma empalhado, todo amor disfarçado e todo bem querer entravado.
Tal qual no circo, onde termina a fantasia e começa a realidade?
Tal qual no circo, qual riso é sincero e qual choro é mentiroso?
Circo é legal, circo é bacana, mas todo dia é como macaco batendo palma para banana.
É cansativo, é pesado, é doloroso mas é necessário.
Quem não se adequa ao circo, logo é eliminado.
Os mundos onde habito também são assim. Lá fora há um grande circo armado.